Windows 11
DIARIO DO PAIS 1 ANO
Diário do País
OPINIÃO

Participante dos 300 pelo Brasil revela a verdade sobre Sara Winter - Por: Juciane Cunha

Sara Winter, em entrevista para a Isto é, afirmou que recebia do General Heleno orientações para atacar o STF. O general declarou que as acusações são falsas.

Juciane Cunha

Juciane Cunha Juciane Cunha é economista, pós-graduada em administração pública, estudante de Direito, Bolsonarista e ex-presidente do PSL Mulher de São José dos Campos-SP. Esta é mais uma patriota que passa a integrar o seleto time de colunistas do Diário do País. Instagram: @jucianecunhaoficial

24/11/2021 17h14
Por: Diário do País
Fonte: Juciane Cunha, do Diário do País e Brasil da Hora
Sara Winter. Foto: arquivo
Sara Winter. Foto: arquivo

O ex-participante dos 300 pelo Brasil, Kerlison Pablo Siqueira, ativista político declarou em suas redes sociais que a líder do movimento Sara Winter teria mentido sobre o envolvimento do Planalto nas atividades realizadas por eles.

Ele disse:"Sara, deixe de ser mentirosa, o GSI nunca pisou os pés ou mandou alguém visitar nosso acampamento." 

Segundo Kerlison, os 300 do Brasil recebia dinheiro de muitos patriotas, que iam até o acampamento para ajudar tanto com suporte financeiro, como com mantimentos. Ele afirmou também que tinham várias vaquinhas  feitas na internet para ajudar o grupo, e que em uma delas o valor era de quase 100 mil reais.

"Lembro-me, que em uma dessas vakinhas, foi arrecadado quase 100 mil reais, que seria em tese para patrocinar a estadia de Homens e Mulheres, que assim como eu, abandonaram suas casas e suas famílias com a intenção de pelo menos tentar melhorar a situação do país. Logo após essa Vakinha, lembro-me muito bem que o discurso dessa "senhora" mudou, ela então afirmava que com seus cursos e palestras, ela havia adquirido muitos recursos e que agora, compraria um apartamento em São Carlos, no estado de São Paulo."

 

Ainda nas palavras dele: 

"Então, até hoje não sabemos que fim foi dado a esses valores, pois todos os dias chegavam caravanas e deixava muito dinheiro, empresários e patriotas de Brasília que deixava Dinheiro, alimentos, colchões, cobertores e tudo que ali iríamos precisar, meno a Sara, que não dormiu um único dia na rua conosco."

Sara Winter, em  entrevista para a Isto é, afirmou que recebia do General Heleno orientações para atacar o STF. O general declarou que as acusações são falsas.

Sara foi uma das presas políticas do Brasil em junho de 2020, ela teve seu perfil principal fechado, quando foi  acusada de ataques ao Supremo Tribunal Federal. 

Ela afirmou em seu novo perfil que não falou o que a revista publicou, e pediu para que  os portais de direita lhe dessem a oportunidade de uma explicação.

 

Escrito por: Juciane Cunha, do Diário do País e Brasil da Hora

 

Conheça o Jornal BRASIL DA HORA: www.brasildahora.com 

Redes sociais do Diário do País:

@portaldiariodopais

@brunodelimabr

 

*** 

Em tempos de coronavírus e desinformação, o DIÁRIO DO PAÍS continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Compartilhe nosso conteúdo.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.